QSS Rare apoia espécies em extinção 1

O lince ibérico, o cavalo-marinho e a sardinha – entre as espécies animais em extinção em Portugal ou, pelo menos, com captura controlada – vão figurar numa série de vinhos da Quinta de São Sebastião, QSS Rare. A iniciativa lança um alerta para a necessidade de proteção destas espécies. O lince ibérico vai aparecer nas garrafas de tinto, o cavalo-marinho nas de rosé e a sardinha nas de branco. Estes são apenas exemplos entre três a quatro centenas que se encontram em vias de extinção em Portugal, na sua maioria insetos e peixes, e grande parte desconhecidas do público.

Existe na Ria Formosa, no Algarve, a maior colónia da Europa e uma das maiores do mundo do cavalo-marinho. A ria tornou-se um autêntico laboratório vivo, seguido por biólogos nacionais e internacionais. Esta espécie é agora protegida pela Convenção CITES, prevenindo o que sucedeu na Ásia, onde a captura desregrada levou à extinção.

Indo além do objetivo de consciencialização social e da componente estética dos rótulos, a Multiwines propõe-se atribuir uma parte do valor da aquisição a uma associação que se dedique à defesa da vida animal, ainda a designar. A referência será incluída em menção no rótulo, de forma a informar o consumidor.
O objetivo passa por, a cada dois ou três anos, as espécies irem mudando, nos lançamentos do Rare, contribuindo para dar visibilidade a esta causa. Atuando num mundo competitivo, a empresa investe nos seus rótulos como fator de atratividade e diferenciação, tanto na vertente estética, como dos conceitos  que transmitem ao consumidor.

Esta série de vinhos, ainda não comercializada, destina-se ao mercado internacional.